segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Momentos de deserto



Existem momentos de deserto.


Momentos de solidão,


de um absurdo silêncio


que grita no coração rumoroso e triste.



Mas a coisa não é ruim,


apesar da aparente esterilidade,


da falta de palavra


ou de certezas.




Nestes momentos se pode contemplar

o céu infinito,

o canto dos ventos,

as dunas douradas

que é fora,

mas também dentro.


E assim encontrar-se docemente


como o rio encontra o mar,
como um beduíno um oásis perdido,


como um corpo encontra o outro
no abraço, no beijo, no sexo, no amor


no mais profundo e terno amor.




Narciso


24 comentários:

Angelo A. P. Nascimento disse...

"Mas a coisa nao é ruim,
apesar da aparente esterilidade,
da falta de palavra
ou de certezas."

Pra mim, disse tudo!
lindo!
bjs

Vinícius*Magalhães disse...

Bonito mesmo. Nesses momentos pode-se comtemplar até mesmo a mais humilde das paisagens. Bom blog !
abraços

eerádiooo disse...

Nossa, muito bom, sério mesmo. Adorei, sem tirar que tudo no blog é muito legal. Parabéns.

Visite se quiser: =)

http://programasinteressantes.blogspot.com

Nova Quahog disse...

PRA DIVULGAÇAO DE BLOGS:

http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=93937074

diogo disse...

mt bonito , nessa shoras as coisas simples e humildes viram importantes

http://diogostanley.blogspot.com/

Strider disse...

Desculpe a demora em comentar, é que exatamente naquela hora eu tive de ir ao WC.

Mas você tem um belo texto aí, daqueles que a gente repete para si mesom várias vezes enquanto reflete sobre a vida.

Daniel Silva disse...

bravo! tenho inveja de quem consegue criar coisas assim.

abraço

www.esteticamusical.com

J.F. Marques disse...

Parabéns, você escreve muito bem. Lindo poema! Continue escrevendo sempre!
Abraço.

wordswind disse...

Acho que realmente nesses momentos prestamos mais atenção em outras coisas... nosso foco muda de rumo...
Parabéns!

Léo Volpe disse...

Suas poesias são suaves. É um prazer acompanhar seu blogue.

Abil. disse...

Lindo! Em certos momentos, apenas percebemos o nosso verdadeiro conflito com um pouco de reflexão.
E não é nescessario muito para isso!
As veses basta uma arquivo em mp3 (nerd). haha!

muito bom!

Abil. disse...

vezes* sorry! :p

grazy dos santos. disse...

o vazio do ser, da solidão, do encontro com si mesmo..
doce e intenso, mas só saboreado por quem não vê na solidão um desgostoso vácuo
mas que encontra o que falta para preencher os espaços vagos entre as palavras anteriormente pensadas.

;*

Tolerância Zero disse...

nada como a paz para podermos nos encontrar e refletir sobre nós mesmo....

Keffey disse...

Que lindo *-* adorei!

Rui disse...

Muito lindo!!!
No silêncio encontramos as coisas mais belas!!!

Luciano R. Correa disse...

é, ao contrário do que todos pensam, o deserto não é estéril (aparente esterilidade), mas um ambiente esperando para, com uma pequena e rápida chuva, explodir de vida.
Assim somos todos nós, naqueles momentos aparentemente vazios...

Janine disse...

Muito bom o blog.. virei mais vezes ^^

http://smartteensrs.blogspot.com/

Breno disse...

Legal Deserto tem tanta coisa sauhsauhsuas

Rafa disse...

Legal, nostalgico, momentos a serem contemplados

http://cemiteriodaspalavrasperdidas.blogspot.com/

Laís disse...

A criação fala por sí mesma. Sentar na praia e apenas apreciar: o mar, a a areia, as aves... é maravilhoso.
E ainda tem gente que não acredita em Deus.

Ariane disse...

Momentos que não precisam de palavras, o silêncio realmente basta... Como pessoas que não precisamos falar nada e elas sabem o que estamos pensando.

Seu "daydream" é muito legal!!

Abraços!

Betinho Cerri disse...

Muito legal!
Alias o blog é fera!


parabens!


www.xaqueto.blogspot.com

renovacao disse...

bem profundo...