sábado, 28 de março de 2015

Tentativa

sábado, março 28, 2015 2 Comments



Tentei completar a escrita, com palavra não dita.
Furei o plástico-bolha, da minha emoção.
Tentei segurar a vida, sem nenhuma expectativa.
Suguei o inicio do fim, na sofreguidão.


Tentei retirar sentimentos, de meros momentos.
Traguei o caminho aberto, da escuridão.
Tentei resumir o acaso, num só elemento.
Feri o resumo em estrofes, na declaração.

Tentei não dizer o que sinto.
Sangrei no momento oportuno, dessa ilação.
Tentei sufocar o destino.
Rasguei a ferida nutrida, nessa comunhão.

Tentei ser um par de sapatos.
Pisei na lama do meu coração.
Tentei condoer-me do corpo ressequido.
Morri, no gozo, dessa compleição.