domingo, 21 de novembro de 2010

Este poema é para você

Este poema é para você.
Você que ama sem saber por que,
que, às vezes, chora nos tempos nublados,
que se encanta com o arco-íris depois da chuva.

Este poema é para você.
Que sente que existe luz no fim do túnel,
que ainda tem sonhos infantis
que ri de si mesmo diante do espelho frio.

Este poema é somente para você.
Que se cala e reflete,
que grita e se arrepende,
que sofreu de amor,
que ainda acredita na humanidade,
que inocentemente sabe que melhores dias virão
Este poema é para você*.

* as ordens dos fatores não alteram o produto poético,

por isso se o leitor quiser ler de baixo para cima também pode.

10 comentários:

sofia . disse...

muuito legal, gostei de verdade! parabéns pelo blog (:


www.apenassonho.blogspot.com

Eduarda Moura Melo disse...

Oieee... Brigaduuuu...

ameiiii o layout do seu Blog quero uma assim huahauahaua

Plutão disse...

É pra mim, de fato.

Olha Isso disse...

Com certeza sim é pra mim, de certo q sim. Parebéns
http://olhaissonet.blogspot.com

Eguis disse...

Li o poema de cima para baixo e de baixo para cima, e vi que esse poema é para mim... Ai daquele que for contra... Ou será que esse poema é para todos os "animais sentimentais" assim como eu?

http://daquiprofuturoo.blogspot.com

BLOGUEIRO EXECUTIVO disse...

Muito bom saber que existem ainda poetas com uma alma diferenciada...

Lai disse...

adoreeeii seu blog *-*

martaluzgonçalves disse...

UMA ALMA É TÃO AMPLA QUANTO UM MUNDO!
SÓ OS POETAS EXPRESSAM DESTA MANEIRA. AMEI SEU POEMA!

Anônimo disse...

que poema mas lindo que ja vi amei love

Anônimo disse...

que poema mas lindo que ja vi amei love