terça-feira, 14 de junho de 2011

Grito em oração



Bateu-me uma vontade de gritar eu te amo

Sem pudor, sem medo e nem consciência

Uma vontade maior de expressar o que sinto

Sem amarras, sem vergonha, bem no íntimo


Puro amor

Verdadeiro e único

Inesquecivelmente amor

de estar amando

sem perceber percebendo

o óbvio estampado


EU TE AMO

Sem reservas

Te amo


Amo

Amar-te

meu amor

minha vida

minha estrada pavimentada

meu caminho sem volta

meu labirinto aconchegante

meu amor sem mim

meu início, meio e continuação agora e para a eternidade

Pelos séculos e séculos, sem fim!

Amém.

6 comentários:

Fran disse...

Super profundo esse texto e inspirador. Adorei!

Estou seguindo

Beijos

http://breakkaway.blogspot.com/

HÉLIO disse...

http://poesiadosol.blogspot.com/

SEGUE O MEU TBM
ADD MEU MSN PRA GENTE TROCAR EXPERIENCIAS

hxelio@hotmail.com

eu tenho um estilo diferente do seu
de escrever quem sabe ,,.... fazemos uma mistura louca ai pra postar

Cristóvão Júnior disse...

Minha prece diante de tamanha beleza:

"Oh Nossa Senhora dos Amores Perdidos, consolai essa minh'alma aflita pela saudade da mulher-abismo; a ela um dia chamei de "meu caminho sem volta". Eis uma decisão sem volta."

http://sertaodeverso.blogspot.com/

Maykel disse...

Olá Astréia, muito bom o texto!!! profundo!!! Gostaria de lhe perguntar sobre a parceria, eu postei em meu blog teu banner, mas não vejo o meu no seu...ouve algum imprevisto?

Obrigado!

Abraçõs

JAILSON BATISTA disse...

q lindo. parabens escreves bem... seguindoooooooooo

confira os meus!

opiniao>>>www.jaylsonbatysta.blogspot.com

poesias>>>www.simplesmentejaja.blogspot.com

Paulo Veríssimo disse...

Eita, que saudades de devanear um pouco por aqui, onde as palavras (as livres) se deixam encontra. Um abraço Astréia.